bebe

Imagem ilustrativa

A família da jovem G.K.L.I, de 19 anos, que abandonou o filho nos braços de uma desconhecida no centro de Serra Talhada e desapareceu, no último final de semana, disse que não sabia que a garota estava grávida. Em conversa com o FAROL, a avô da criança, Iracilda Leite do Nascimento, informou que os familiares chegaram a desconfiar, mas a própria mãe teria negado que estivesse esperando uma filha.

A família é natural do sítio Itã, na zona rural de Carnaíba. Iracilda contou que todos ficaram espantados ao saberem que a adolescente teria abandonado o bebê. Ela informou que este é o segundo filho da garota, de pais diferentes. Ela teve o primeiro, um menino, com 16 anos. Iracilda disse ainda que, assim que souberam do fato, todos os familiares se deslocaram para Serra Talhada.

“Todos viemos para cá para dar assistência afetiva possível ao bebê e também a minha filha, que está depressiva. Todos estão dispostos a ajudar. Vamos dar o apoio necessário. Se ela tivesse nos falado sobre essa gravidez todos nós da família saberíamos orientá-la e apoiá-la e evitaríamos essa atitude”, afirmou Iracilda Leite, que não é a genitora da jovem G.K.L.I, a qual foi criada por Iracilda a partir dos três anos de idade.

Dona Iracilda informou também que o pai da criança não assumiu a filha. O feto não teve acompanhamento pré-natal durante os nove meses de gestação e passa bem.

 

Veja também:   Morador cansa de tapar buraco em ST e faz apelo à prefeitura