Bolsa Família 2024: Datas divulgadas pelo Governo; veja quando recebe

Do JC Online

Nesta terça-feira (26), o governo federal anunciou o cronograma de repasses do Programa Bolsa Família para o ano de 2024.

A programação mensal é estabelecida com base no último algarismo do Número de Identificação Social (NIS) do beneficiário, conforme registrado no cartão do referido programa.

Os pagamentos ocorrem nos últimos dez dias úteis de cada mês, com exceção de dezembro, quando o calendário é antecipado.

Em janeiro, os depósitos iniciam no dia 18 para os beneficiários com NIS terminando em 1. Diariamente, um novo grupo tem acesso aos valores, culminando no último grupo, de NIS terminando em 0, que recebe o benefício no dia 31.

Veja também:   Carro de empresa de ST pega fogo no Sertão

Calendário Bolsa Família 2024

Divulgação/MDS
Confira o calendário do Bolsa Família 2024 – Divulgação/MDS

Quais são os critérios para participar do Programa Bolsa Família?

É preciso manter atualizadas as informações familiares no Cadastro Único. Para participar, a renda mensal de cada membro da família não deve ultrapassar R$ 218.

Os cartões destinados aos novos beneficiários são enviados ao endereço cadastrado. Em caso de perda, esquecimento ou não recebimento, não há necessidade de preocupação.

Basta que o responsável familiar apresente um documento oficial com foto em uma agência lotérica.

Veja também:   Duplo homicídio é registrado em Salgueiro

Categorias de benefícios

O Programa Bolsa Família engloba seis categorias de benefícios, adaptando-se à situação de cada beneficiário:

• Benefício de Renda de Cidadania (BRC): R$ 142 por pessoa na família.
• Benefício Complementar (BCO): pagamento adicional para famílias cujos benefícios somados não atinjam R$ 600, garantindo o mínimo desse valor por família.
• Benefício Primeira Infância (BPI): acréscimo de R$ 150 por criança com idade de 0 a 7 anos incompletos.
• Benefício Variável Familiar (BVF): adicional de R$ 50 destinado a gestantes e crianças e adolescentes de 7 a 18 anos incompletos.
• Benefício Variável Familiar Nutriz (BVN): acréscimo de R$ 50 por membro da família com até sete meses.
• Benefício Extraordinário de Transição (BET): utilizado em circunstâncias específicas para garantir que nenhum beneficiário receba menos do que recebia no programa anterior, o Auxílio Brasil. Este benefício será pago até maio de 2025.

Veja também:   Beneficiários de NIS final 2 recebem hoje o Auxílio Brasil