Bolsa Família de dezembro tem mega novidade e empolga quem recebe

Foto: Reprodução/Internet

Por Catraca Livre

O calendário do Bolsa Família segue uma ordem de pagamento baseada no último dígito do Número de Identificação Social (NIS) de cada beneficiário. Beneficiários com NIS com término em 6, recebem hoje.

A exceção é para os beneficiários de municípios em situação de emergência ou calamidade reconhecida pelo governo federal. Nesses casos, o pagamento do Bolsa Família é unificado para o primeiro dia do calendário.

Datas de pagamento do Bolsa Família para novembro:

  • Beneficiários com NIS com término em 1 – 11 de dezembro;
  • Beneficiários com NIS com término em 2 – 12 de dezembro
  • Beneficiários com NIS com término em 3 – 13 de dezembro;
  • Beneficiários com NIS com término em 4 – 14 de dezembro;
  • Beneficiários com NIS com término em 5 – 15 de dezembro;
  • Beneficiários com NIS com término em 6 – 18 de dezembro;
  • Beneficiários com NIS com término em 7 – 19 de dezembro;
  • Beneficiários com NIS com término em 8 – 20 de dezembro;
  • Beneficiários com NIS com término em 9 – 21 de dezembro;
  • Beneficiários com NIS encerrando em 0 – 22 de dezembro.
Veja também:   Senado lança segundo Plano de Equidade de Gênero e Raça nesta sexta (22)

O Auxílio Gás, pago bimestralmente junto ao Bolsa Família, também será feito. O benefício criado para abrandar o impacto do preço do gás de cozinha no orçamento doméstico, contempla mais de 5,4 milhões de famílias.

O governo federal repassa 100% do valor da média nacional do botijão GLP de 13 quilos para as famílias beneficiárias. O cálculo do preço é feito pela Agência Nacional de Petróleo (ANP). Este mês, o valor é de R$ 104,00.

Os pagamentos são realizados de acordo com o final do NIS do beneficiário e seguem o calendário de pagamento do Programa Bolsa Família.

As famílias beneficiárias poderão consultar as informações das parcelas nos aplicativos Bolsa Família e Caixa Tem ou pelo telefone 111.

Veja também:   Bandidos explodem agência da Caixa em PE

O programa Bolsa Família abrange diversos tipos de benefícios, adaptados às necessidades de cada família:
Benefício de Renda de Cidadania (BRC): R$ 142 por membro da família;
Benefício Complementar (BCO): pagamento adicional para garantir um mínimo de R$ 600 por família;
Benefício Primeira Infância (BPI): adicional de R$ 150 por criança com idade inferior a sete anos;
Benefício Variável Familiar (BVF): acréscimo de R$ 50 para gestantes e crianças e adolescentes com idade entre 7 e 18 anos;
Benefício Variável Familiar Nutriz (BVN): adicional de R$ 50 para cada membro da família com menos de sete meses (nutriz). Os pagamentos efetuados em setembro;
Benefício Extraordinário de Transição (BET): destinado a situações específicas, garantindo que nenhum beneficiário receba menos do que recebeu no programa anterior (Auxílio Brasil). Este benefício será concedido até maio de 2025.

Veja também:   Waldemar vota a favor desoneração da folha