Bolsa Família para beneficiários do NIS 3 de Setembro recebem antecipado?

Foto: Divulgação / Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome

Por Jornal do Commercio

O pagamento do Calendário Bolsa Família Setembro 2023 (Calendário Auxílio Brasil 2023) ainda é muito aguardado por beneficiários.

TENHO DIREITO AO BOLSA FAMÍLIA? VEJA

As regras para os beneficiários receberem o Auxílio Brasil 2023 (Bolsa Família) seguem conforme 2022. Para receber os valores, é necessário responder às condições abaixo:

  • Famílias de extrema pobreza são as que têm renda familiar por cabeça de zero a R$ 100,00.
  • As famílias em situação de pobreza são as que têm renda familiar por cabeça de R$ 100,01 a R$ 200.
  • Famílias com mulheres gestantes, mães que amamentam ou pessoas de 0 a 21 anos incompletos;
  • Estar em Regra de Emancipação.

Para se candidatar ao Bolsa Família 2023, a família deve estar inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal e tenha os dados atualizados nos últimos 2 anos.

MUDANÇAS NO AUXÍLIO BRASIL 2023

Novas regras do Bolsa Família 2023 (Auxílio Brasil):

  • Fixar o valor mínimo do Auxílio Brasil em R$ 600;
  • Adicional de R$ 150 para cada criança da família até 6 anos – limitado a duas crianças por família;
  • Exigência de frequência escolar das crianças e adolescentes de famílias beneficiárias;
  • Acompanhamento da saúde familiar, com exigência de vacinas como, por exemplo, a da COVID-19
Veja também:   Após discussão com ex-mulher, homem compra gasolina e incendeia casa em ST

MUDANÇAS NO AUXÍLIO BRASIL, O NOVO BOLSA FAMÍLIA – VALOR DE R$ 900

Regras do Bolsa Família 2023 (Auxílio Brasil):

  • Manter crianças de 4 a 5 anos com frequência escolar mínima de 60%;
  • Manter 75% de frequência escolar mínima para jovens de 6 a 18 anos de idade e para quem não concluiu a educação básica;
  • Fazer o acompanhamento pré-natal (no caso de gestantes);
  • Manter as carteiras de vacinação atualizadas da família inteira.

VALOR DO BOLSA FAMÍLIA

De acordo com as novas regras impostas pelo Governo Lula, o valor mínimo do Bolsa Família 2023 ainda é de R$ 600.

Dentro deste valor serão vai ser adicionado mais R$ 150 para cada criança com até 6 anos. Dos 7 aos 17 anos, o adicional é de R$ 50.

Dessa forma, em uma casa com duas crianças com idades estre 7 e 17 anos, a família ganhará R$ 700.

VALORES

  • Pelo menos R$ 600 por família;
  • R$ 150 adicionais para cada criança de até 6 anos;
  • R$ 50 adicionais para crianças com mais de 7 anos e jovens com menos de 18;
  • R$ 50 adicionais para gestantes.
Veja também:   Calumbi aposta nos esportes radicais e atrai visitantes

CALENDÁRIO BOLSA FAMÍLIA SETEMBRO 2023

Os pagamentos do Bolsa Família em setembro ocorrerão de acordo com a agenda oficial anunciada pelo governo, sem quaisquer pagamentos adiantados.

Entretanto, as cidades em situação de calamidade terão seus benefícios liberados antecipadamente no dia 18, sem considerar o último dígito do NIS.

Para o restante, as transferências serão realizadas conforme o último número do NIS, com a possibilidade de depósitos previstos para segundas-feiras serem realizados no sábado anterior.

Veja abaixo o calendário Bolsa Família setembro:

  • NIS final 1: 18 de setembro;
  • NIS final 2: 19 de setembro;
  • NIS final 3: 20 de setembro;
  • NIS final 4: 21 de setembro;
  • NIS final 5: 22 de setembro;
  • NIS final 6: 25 de setembro;
  • NIS final 7: 26 de setembro;
  • NIS final 8: 27 de setembro;
  • NIS final 9: 28 de setembro;
  • NIS final 0: 29 de setembro.
Veja também:   Sociólogo diz que Bolsonaro não trabalha e transfere problemas

COMO CONSULTAR O AUXÍLIO BRASIL 2023?

Consulte o Bolsa Família (Auxílio Brasil):

  • Aplicativo Auxílio Brasil, disponível para os sistemas Android e iOS.
  • Ministério da Cidadania, através do número 121.
  • Central de Atendimento da Caixa, número 111.

QUAL O VALOR DO BOLSA FAMÍLIA EM SETEMBRO 2023?

valor do Bolsa Família em setembro será menor para as famílias inscritas no Vale-Gás. O valor de R$ 112 que é pago a cada dois meses, foi pago em agosto, e só voltará em outubro.

E as novas regras do Bolsa Família em 2023 que adicionaram valores ao benefício já começaram, são elas:

  • Valor mínimo fixado em R$ 600;
  • Exigência de frequência escolar das crianças e adolescentes de famílias beneficiárias;
  • Adicional de R$ 150 para cada criança da família até 6 anos;
  • Acompanhamento da saúde familiar, com exigência de vacinas como, por exemplo, a da COVID-19;
  • Adicional de R$ 50 para gestantes e crianças e adolescentes entre 7 e 18 anos incompletos.
  • Fernanda Cysneiros - NE10/ Maria Mota - JC Online