Jornalista mostra corpos de supostos ETs para deputados no México

Do U0l

Em uma apresentação na Câmara dos Deputados do México, o ufólogo e jornalista Jaime Maussan revelou restos mumificados encontrados no Peru e alegou serem de criaturas extraterrestres.

O que se sabe

A exibição ocorreu ontem, durante uma assembleia pública para Regulação de Fenômenos Aéreos Não identificados, promovida pelo deputado Sergio Gutiérrez Luna, segundo apurou o jornal El Universal.

Os dois pequenos corpos possuem cerca de 60 cm e teriam sido encontrados na região das Linhas de Nazca, em Cusco, no Peru, em 2015. Eles foram apresentados em caixões com tampas de vidro, despertando entusiasmo na comunidade de teóricos sobre óvnis.

Veja também:   FOTO NOTÍCIA: A Festa do Rosário, a fé, e o resgate do marco zero de ST

Vale destacar que Maussan já foi associado a alegações de descobertas “alienígenas” que mais tarde foram desmascaradas, incluindo cinco múmias encontradas no Peru em 2017, que mais tarde foram identificadas como crianças humanas, segundo apurou o jornal The Independent.

Na audiência pública, o ufólogo e jornalista mostrou a autoridades dos EUA e membros do governo mexicano vários vídeos de “óvnis e fenômenos anômalos não identificados” antes de revelar os supostos cadáveres alienígenas.

Radiografias dos espécimes também foram apresentadas durante a audiência, com especialistas testemunhando sob juramento que um dos corpos parece ter “ovos” dentro, enquanto ambos teriam implantes feitos de metais muito raros, como o ósmio.

Veja também:   ELEIÇÕES: Câmara promete ampliar recursos do Funcultura para R$ 40 milhões

Segundo o ufólogo, os corpos estão sendo estudados por cientistas da UNAM (Universidade Nacional Autônoma do México) e teriam mais de 1.000 anos.

São seres não humanos. Não foram recuperados em naves, eles foram encontrados em minas de diatomáceas (algas) e posteriormente fossilizados.