Ciclone Idai contabiliza mais de 130 mortesDo Portal T5

Segundo a Federação Internacional da Cruz Vermelha (FICV), Moçambique e Zimbábue contabilizam 138 mortes em decorrência da passagem do ciclone Idai.

Segundo a imprensa local, Beira, a segunda maior cidade moçambicana ficou com 530 mil habitantes teve cerca de 90% de sua estrutura destruída. “O alcance dos danos provocados pelo ciclone Idai é enorme e aterrorizante”, declarou a FICV em um comunicado à imprensa.

Os maiores danos foram registrados quando o ciclone atingiu o centro de Moçambique na noite da última quinta-feira (14). Estradas, escolas, casas e até mesmo uma represa foram totalmente devastadas.

Veja também:   No Vila Bela, onde falta quase tudo, a luta pela saúde começa na madrugada