Cidadãos com Bolsa Família bloqueado podem reativar o programa
Bloqueios no Bolsa Família ganham chance de renegociação animando os cidadãos. (Imagem: FDR)

Por FDR Notícias

As regras são definidas pelo Governo Federal e válidas para todos os beneficiários. Caso não atendam a algum dos quesitos, eles correm o risco de ter o pagamento suspenso. No entanto, também é possível realizar a reativação do benefício caso isso aconteça.

Receba as manchetes do Farol de Notícias em primeira mão pelo WhatsApp (clique aqui)

Conheça os critérios para garantir o pagamento do Bolsa Família:

  • Principal regra diz respeito a renda familiar dos beneficiários;
  • Ela deverá ser de, no máximo, 1/4 do salário mínimo;
  • Em 2024 esse valor é equivalente a R$ 353 por cada membro da família;
  • Além disso, a família precisa estar incluída no CadÚnico;
  • Essa inscrição deve ser realizada em uma unidade do CRAS de forma presencial;
  • Uma das situações que podem levar a exclusão do Bolsa Família é a falta de atualização do cadastro;
  • A recomendação é que esse procedimento seja realizado de forma regular;
  • Caso contrário, a família poderá ser desligada ou suspensa do programa;
  • Outra situação que pode levar ao corte é a irregularidade do CPF;
  • Recentemente, diversas famílias foram suspensas por conta da situação;
  • Para evitá-la, é preciso realizar uma consulta ao documento e ver como está a situação;
  • Confira aqui um tutorial sobre como realizar o procedimento e evitar o corte do benefício;
  • Para a família que já foi suspensa, a recomendação é que o responsável familiar busque uma unidade do CRAS;
  • No local, ele deverá perguntar sobre a motivação que levou ao corte;
  • O cidadão será orientado por uma assistente social que explicará qual a melhor forma de reverter o caso.
Veja também:   Ainda sem fechar com a LFF, Náutico recebe proposta da Libra