Rosicleide de Souza Ferreira, moradora do bairro Mutirão, em Serra Talhada, é a vencedora da promoção Dia dos Pais realizada pelo FAROL e a Delicadezas da Nay. Neste domingo (9) faremos a entrega do prêmio em sua residência. Agradecemos a todos pela participação. Foram 35 declarações de amor e de afeto.

Aproveitamos para divulgar mais duas homenagens. Mas, é apenas o começo. Ainda dá tempo você enviar o seu presente por este FAROL.

claraPor Clarinha, para o seu pai, Antonio Ferraz

“Pai, tudo que eu sou devo a você, pois a onde eu vou  está sempre comigo, tornando os meus dias de criança bem mais feliz. O senhor com esse jeito bem simples me ensinou todos os valores da vida, que eu devo aplicar para  me tornar um adulto do bem, num mundo no qual necessita de mais amor entre as pessoas, tornando os nossos dias bem mais alegres e azuis.

Veja também:   Dono de bar é detido por quebrar a quarentena

Pai, você me ensinou que na tristeza sempre resta uma esperança, e  que todos nós guardamos um sonho dentro de nós, de vê o mundo como um arco-íris bem colorido, irradiando alegria entre todos, com os passarinhos cantando e o sol iluminando todas as nossas vidas.

Pai, foi com você que aprendi a perdoar, e não guardar mágoas e ressentimentos daqueles que possam a vir me fazer o mal, e é por todas essas coisas, que você é o meu melhor amigo, e por isso quero te dizer que te amo muito! que Deus te conceda muitos anos de vida cheios de saúde e felicidade junto comigo. Você é o melhor pai que Deus me deu. Obrigada por tudo” Bjs.. Clarinha

Uma carta para o Céu, por Adelmo José dos Santos

Veja também:   APÓS CHUVAS: Proprietários serão convocados para explicar construções em ST

UMA CARTA PARA O CÉU!

De: Adelmo Santos

Cidade: Serra Talhada – PE

Rua: Coração

Bairro: Saudade

Para: José M. Santos

Cidade: Céu

Rua: Paraíso

Bairro: Jardim Do Éden

Meu querido pai, que saudade do senhor!

“Hoje é o Dia dos Pais, e por você não está aqui eu não posso lhe dar um presente, mas eu quero que você saiba tudo o que meu coração sente. Eu queria que você visse como eu estou vivendo agora, eu vou seguindo os seus passos preservando a sua história. Os conselhos que você me dava nas horas certas e precisas são as armas que me ajudam nas batalhas dessa vida. Nos meus tempos de menino eu era muito traquino e você me repreendia me ensinando os bons caminhos.

Hoje o mundo está mudado, os valores éticos e morais que eram dados pelos pais se perderam com o tempo hoje não existe mais. Os pais de hoje são modernos não dão limites aos seus filhos, que não se veem neles mais. Eu sinto muita saudade, penso em você todo dia, meus olhos enchem de lágrimas quando eu lembro de você, o meu coração dispara sem sentir dor sem ter nada.

Veja também:   Saiba as mudanças nos limites de financiamentos do Minha Casa, Minha Vida

Lembra aquela pescaria, que só o senhor pescava, e eu não pegava nada? E o senhor colocava um peixe no meu anzol quando eu me descuidava pra mostrar que eu pescava? Eu até me assustava com o balanço da vara. Eu agradeço ao senhor as palmadas que me deu que pra mim foram tão boas me ensinaram os bons costumes a respeitar os mais velhos, respeitar os professores e respeitar as pessoas.