Publicado às 05h28 desta segunda-feira (11)

O município de Triunfo, Sertão do Pajeú, tomou medidas duras contra o avanço da Covid-19 nas últimas semanas. Agora, na Oásis do Sertão volta a ser obrigatório o uso de máscaras em ambientes fechados. Para comentar o caso, o Programa Falando Francamente, na TV Farol de Youtube, entrevistou na quinta-feira (7) Daniel Antas, secretário de Saúde da cidade.

De acordo com o gestor da pasta, o município apresentou cerca de 230 casos positivos em sete dias, os maiores números registrados desde o início da pandemia. Há três triunfense com síndromes gripais internados no Hospital Eduardo Campos (HEC), em Serra Talhada.

“Aqui em Triunfo estamos tendo o recorde de casos positivos desde o início da pandemia, fechamos a 26º semana epidemiológica com quase 230 casos. O movimento em nosso hospital aumentou de forma considerável, pacientes com síndromes gripais. A gente teve que colocar uma escala extra de médicos só para atender os casos gripais. Mas a gente vê a eficácia da vacina, que os casos graves estão acontecendo de uma forma bem diminuída comparado com o pico do ano passado”.

Veja também:   Márcia Conrado lidera caravana à convenção do PSB e diz que é leal

MEDIDAS PREVENTIVAS

Em Triunfo, para se ter acesso as repartições públicas, bancos, lotéricas, farmácias e supermercados, a população precisa estar usando máscara. De acordo com Daniel Antas, a Saúde também está tentando sensibilizar o empresariado para cobrar o uso da máscara nos estabelecimentos comerciais também. É lei municipal multar os estabelecimentos que não cumprirem as normas sanitárias postas pelo governo.

“A Pandemia afeta o setor econômico e todos os setores, estamos com diversos servidores do Hospital, da Secretaria de Saúde em atestado médico e no setor das empresas também. Então, nós sentamos e optamos pelo uso da máscara, que é uma prática eficaz, não custa muito e o que compreende ser a responsabilidade do cidadão, o bom senso”, comentou o secretário de Saúde, continuando:

Veja também:   Beneficiários poderão checar os valores a receber

“Nós fazemos o teste Swab de antígenos rápidos em hotéis por ter um fluxo muito grande de gente de fora. Desde o ano passado o município fez um decreto para os estabelecimentos que descumpriam as normas sanitárias com multas em dinheiro com o apoio da nossa Vigilância Sanitária e nossa Guarda Municipal. Estamos na sensibilização, mas a partir da próxima semana já teremos fiscalizações punitivas”, avisou o secretário.