Faustão pode ter de esperar até 18 meses por transplante cardíaco

Foto: Arquivo/ Farol de Notícias

Por Metrópoles

O quadro de saúde de Faustão, internado por conta de uma insuficiência cardíaca, se agravou no último fim de semana. O apresentador precisa de um transplante cardíaco e está na fila do Sistema Único de Saúde (SUS). Entretanto, a cirurgia pode demorar de 12 a 18 meses.

De acordo com as informações do Hospital do Coração (HCor), cerca de 40 mil pessoas aguardam pelo órgão no país. A Secretaria de Estado de Saúde de São Paulo, que gerencia a fila, define as prioridades após analisar o tipo sanguíneo e a gravidade de cada caso.

Veja também:   Advogada de 26 anos está entre os mortos de desabamento em SP

A localização do paciente também é levada em consideração, visto que o coração tem um tempo máximo de armazenamento para ficar fora do corpo humano. Nessa situação, é preciso avaliar se um avião, por exemplo, será necessário para o transporte do órgão. As crianças têm prioridade nessa fila.

Apesar das informações preocupantes do último boletim médico de Faustão, o colunista Flávio Ricco afirmou que o apresentador está disposto e até mesmo assistiu à partida entre Santos e Grêmio pelo Brasileirão nesse domingo (20/8).

Veja também:   Trump irá assinar decreto revogando políticas climáticas da era Obama

“A coluna conversou com o apresentador neste domingo e ele se mostrou bem-disposto. Faustão viu e comemorou a vitória do Santos contra o Grêmio pelo Brasileirão”, escreveu Flávio em sua coluna.