Governo Federal fará o trecho Salgueiro-Suape da Transnordestina

Foto: Divulgação

Por Diário do Nordeste

Uma fonte do ministério da Infraestrutura disse na última quarta-feira (19), ao Diário do Nordeste que o Governo Federal investirá na conclusão do trecho Salgueiro-Porto de Suape, em Pernambuco, excluído, por aditivo aprovado pela Agência Nacional dos Transportes Terrestres (ANTT) e pelo plenário do Tribunal de Contas da União (TCU), do projeto original da Ferrovia Transnordestina.

A mesma fonte confirmou a informação dada pelo superintendente da Sudene, Danilo Cabral, segundo a qual, para a conclusão do trecho Salgueiro-Suape deverão ser investidos R$ 5 bilhões.

Veja também:   Desenrola Fies contabiliza 164 mil renegociações de dívidas

Os ministérios da Infraestrutura e da Integração e Desenvolvimento Regional serão os responsáveis pela execução da obra no lado pernambucano.

No lado cearense, os serviços continuam sendo executados pela Transnordestina Logística S/A (TLSA).

O superintendente da Sudene, que se encontrava em Fortaleza, disse, durante entrevista à imprensa, que, para a conclusão das obras do trecho cearense da Ferrovia Transnordestina, serão necessários investimentos de mais R$ 7 bilhões.

Esta coluna (Egídio Serpa) ouviu o presidente da TLSA, Tufi Daher, a respeito do assunto e ele fez questão de afirmar que sua empresa é totalmente a favor de que se construa o trecho da ferrovia ligando Salgueiro ao Porto de Suape. Ele também disse, com base no que tem ouvido de autoridades de Brasília, que esse trecho pernambucano será mesmo executado pelo Governo Federal, “o que é uma grande notícia para a economia do Nordeste e para os nordestinos”.

Veja também:   Fotógrafo é encontrado morto na BR-232