Fotos enviadas pela família

Publicada às 05h12 desta sexta-feira (24)

Em pouco menos de 3h da publicação da matéria do Farol intitulada ”Mulher luta por cadeira de rodas para irmã em Serra Talhada” (relembre aqui), veio o choro de alegria e gratidão oriundo da chegada da cadeira na residência de Dona Maria Cícera por volta das 17h30. Segundo a irmã da cadeirante, Gilvenice Rodrigues,ela  recebeu uma ligação solicitando o endereço e em poucos minutos uma mulher chegou com o presente de Natal e não segurou as lágrimas.

”Eu agradeço muito a mulher que tive compaixão da situação da minha irmã e doou uma cadeira. A cadeira é nova, veio na bolsa, disseram que era o presente de Natal de Dona Maria Cícera. Já coloquei ela para levar sol hoje, nunca mais tinha colocado porque não podia levar sozinha. Dei o banhozinho dela e coloquei no sol cedo. Foi uma alegria muito grande quando a mulher chegou com a cadeira, eu até chorei porque vi minha irmã com a cadeirinha dela. Agora eu poso até levar para missa aqui do Mutirão, ela gosta muito de missa antes assistia só na televisão”, disse, bastante emocionada.