Da ISTOÉ

Uma mãe e três de seus filhos morreram após um incêndio que atingiu uma fábrica de químicos em Barueri, na região metropolitana de São Paulo, nesta quinta-feira (26). As informações são do UOL e a confirmação das mortes foi feita pela prefeitura da cidade na tarde desta quinta.

As vítimas moravam nos fundos de um dos galpões atingidos pelo fogo. A mulher e o marido trabalhavam como zeladores no local. No momento do acidente, um dos filhos do casal, de 12 anos, estava na escola, mas os outros três, de 4, 2 anos, e de 11 meses, morreram carbonizados.

O pai das crianças foi socorrido e teve apenas ferimentos leves de acordo com as informações dos bombeiros. Oito pessoas foram socorridas com vida, duas delas com queimaduras em cerca de 80% do corpo.

Ainda de acordo com o UOL, as outras seis apresentavam quadro estável, sendo que quatro delas tiveram intoxicação por fumaça, e duas, queimaduras, mas passam bem.

O incêndio começou por volta das 11h30 no imóvel de uma indústria química, que atua com reciclagem de plástico, e avançou para a fábrica de uma outra empresa.

A prefeitura do município decidiu suspender as aulas em cerca de dez escolas que ficam próximas à região, já que poderiam ser afetadas pela fumaça, que é tóxica. Idosos que residem em um asilo perto do local também foram realocados para um lugar seguro.

Veja também:   Sebrae realiza Semana do MEI em vários municípios e inclui ST