Publicado às 19h15 desta quinta-feira (28)

Após matéria do Farol contando a história da serra-talhadense Cristina Lopes da Silva, 32 anos, que mora há 11 anos na cidade de Casa Nova-BA, e busca os pais na capital do xaxado, a mãe Maria Eunice da Silva entrou em contato para reencontrar a filha. Logo pela manhã, ela foi à redação do Farol e contou, emocionada, sobre a distância com a filha que encontra-se no estado da Bahia.

Em conversa com a nossa reportagem, Dona Eunice, 66 anos, aposentada e moradora da Rua Livino Gomes, no bairro Bom Jesus, disse que nessa quarta-feira (27) viram a matéria e reconheceram Cristina. Contaram dos netos que ela ainda não conhece.

“Eu morava perto da família dela, criei ela desde novinha. É minha filha, e a gente sente muita saudade. Tenho mais outros 4 filhos, ela é a quinta. Eu sou doente, já tive infarto, tenho osteoporose, estava fazendo exame e por isso não vim no Farol atrás antes. Mas quero reencontrar minha filha, ela é minha filha”, contou a mãe emocionada.

CAMPANHA PELO REENCONTRO DE MÃE E FILHA

O Farol agora está em campanha para conseguir reunir essa família que não se vê há cerca de 10 anos. Entramos em contato com a família de Cristina na Bahia, mas não obtivemos resposta. Dona Eunice pede que a família bahiana de Cristina entre em contato com a redação do Farol de Notícias através dos telefones (87) 99991-7500 ou (87) 98880-0830 para marcar o reencontro.

Serra-talhadense procura reencontrar a família há 11 anos

Veja também:   Situação é crítica no bairro Vila Bela e causa revolta em moradores