Márcia admite ao Farol motivo de unir-se aos irmãos Oliveira
Foto assessoria.

A prefeita Márcia Conrado conversou – com exclusividade – com o repórter do Farol, Paulo César Gomes [veja ao final], logo após o evento que selou a união entre o PT e os irmãos Sebastião e Waldemar Oliveira, pelo Avante.

Provocada a responder sobre o motivo da polêmica aliança, a petista sepultou as críticas contra os ex-adversários alegando que o propósito foi unir forças por uma Serra Talhada melhor.

Receba as manchetes do Farol de Notícias em primeira mão pelo WhatsApp (clique aqui)

“A construção começa quando todo o mundo está com um propósito só: no desenvolvimento de Serra Talhada”. A prefeita argumentou que Sebastião e Waldemar discursaram com o coração, expressando sinceridade durante o evento.

Veja também:   Preço do gás de cozinha sobe 5 vezes a inflação do ano

“Você vê que as falas aqui realmente expressaram o que vem do coração de todos nós, que é trabalhar realmente pelo desenvolvimento de Serra Talhada”.

Para a prefeita de Serra Talhada, a união PT/Avante no município reflete a postura nacional das siglas, que estão na mesma base atualmente dando força ao governo Lula no Congresso.

“Waldemar Oliveira, deputado federal, é o vice líder da bancada de Lula em Pernambuco, então essa união do PT a nível nacional também está sendo trazida aqui para o nível local. Acredito muito que essa força de Lula de organizar e priorizar as ações federais aqui em Serra Talhada e o trabalho para cada pessoa da nossa população está sendo reconhecido”.

Veja também:   Mães acusam escola de ST de distribuir absorventes vencidos

VEJA ESSA DECLARAÇÃO DE MÁRCIA ABAIXO