Fotos: Assessoria da PMST / do Facebook

Na noite dessa quinta-feira (28) Serra Talhada virou o maior polo cultural do Sertão com a estreia da 9ª temporada do Espetáculo Massacre de Angico – A Morte de Lampião, na Estação do Forró. Um multidão lotou o espaço para acompanhar a peça teatral que integra o circuito cultural do projeto Tributo a Virgulino, organizado pela Fundação Cabras de Lampião.

O esperado retorno marcou pelas surpresas no roteiro, com acréscimo de uma nova cena e diversas mudanças nas tradicionais cenas de abertura e fechamento da peça. A tradicional e divertida cena de Lampião fazendo um de seus cangaceiros comer sal permanece com a mesma estrutura e ainda diverte o público. Entre as novidades, há também um corpo de elenco maior e uma nova sonoplastia.

Veja também:   Valor de até R$ 1.212 é liberada; veja o calendário o PIS e quem recebe

A prefeita Márcia Conrado prestigiou o evento e através das redes sociais elogiou o espetáculo, e confraternizou com os artesãos serra-talhadenses, da região e diversos lugares do Nordeste, que também estão em peso na Estação.

“Foi lindo! Em nome de Anildomá parabenizo a todos da Fundação Cultural Cabras de Lampião, os atores e produtores que fizeram esse lindo espetáculo, que reuniu centenas de pessoas de todas as idades. É um evento que já faz parte do calendário cultural de Serra Talhada. Também não posso deixar de parabenizar todos os artesãos que estavam vendendo seus artesanato”, aprovou a gestora.

Os atores Karl Marx e Roberta Aureliano interpretam Lampião e Maria Bonita