Fotos: Celso Garcia/Farol de Notícias

Publicado às 06h23 deste sábado (2)

Com informação de do repórter fotográfico Celso Garcia

Vários buracos, principalmente um de grande porte, na frente da residência do mecânico, de 47 anos, José Ronaldo Nogueira, na Avenida Luiza Ferraz de Lima, no bairro Tacredo Neves, em Serra Talhada, ocasionaram a interdição de um lado da via. O mecânico teve que intervir por conta própria, pelo menos no buraco próximo de casa, mas apela a prefeitura para tomar as providências com solução eficaz do problema.

”Esse buraco foi surgindo aos poucos, por ser uma avenida de via dupla, terminou sendo uma avenida principal de acesso ao bairro Tancredo Neves, passa caminhão com pesos excessivos. Acredito que a compactação não seja compatível com o fluxo de veículo que está tendo. Vêm, consertam um pedaço, no mesmo dia o buraco se arrebenta e é na avenida toda. Com esse buraco, ficou intransitável, não passa mais nada, uma faixa da avenida está interditada. Essa quebra está provocando também a quebra dos canos da Compesa, os meninos da Compesa vêm, consertam, com 2, 3 dias quebra de novo o mesmo cano e as casas ficam sem água”, informou José Ronaldo.

Veja também:   Moradores emporcalham investimentos feitos em ST

SUGESTÃO DO MORADOR

Após, por iniciativa própria, tapar o buraco de frente de casa duas vezes, o morador sugere que para evitar ficar enxugando gelo, tanto ele quanto a prefeitura, seja feita uma visita técnica que realmente avalie e chega a uma solução mais duradoura, tento em vista que segundo ele, mesmo o município fazendo a manutenção, em poucos dias o problema está lá mais uma vez.

”A gente consertou e uma caminhão veio aqui, passou e aumentou esse buraco. Para não ficar feio, na porta da pessoa, peguei um carrinho de mão e tapei, mas são consequências da estrutura que o calçamento se encontra. Se passar aqui um técnico da prefeitura, o defeito está na vista e acredito que tenha que fazer uma compactação nesse terreno para firmar e não ficar esse enxuga gelo. Precisa um técnico vir, analisar, ver o que está acontecendo e corrigir o serviço para não terem que ficar vindo e voltando porque numa cidade como essa tem muita coisa a ser feita”, concluiu o mecânico.

Veja também:   Confira a previsão de hoje (16/08) para seu signo