Mulher fica em coma por 17 dias após tomar remédio para cólica
Catarinense Jaqueline Gmack: a rara condição da pele faz com que o sistema imunológico reaja exageradamente ao medicamento e ataque a pele saudável – Foto: Reprodução

Por Folha de Pernambuco

Uma mulher de 31 anos ficou em um coma durante 17 dias após sofrer uma reação rara ao ibuprofeno que a fez “queimar por dentro”. Jaqueline Gmack, de Papanduva, em Santa Catarina, tomou os comprimidos para ajudar a aliviar cólicas menstruais. Ela foi diagnosticada com síndrome de Stevens-Johnson, uma quadro que acontece quando o corpo tem uma reação exagerada a um medicamento.

Segundo o relato, em apenas 48 horas ela foi de uma coceira leve na região dos olhos para bolhas de sangue na boca. Após correr para ser atendida no hospital, os sintomas se intensificaram e as bolhas se espalharam por todo o rosto, impedindo a mulher de enxergar com clareza.

Veja também:   Saúde do trabalhador é debatida em Serra Talhada

Os principais fatos de Serra Talhada e região no Farol de Notícias pelo Instagram (clique aqui)

Esta rara condição da pele faz com que o sistema imunológico reaja exageradamente ao medicamento e ataque a pele saudável, as mucosas, os olhos e a região genital. O caso aconteceu em 2011, mas após mais de dez anos, a de Jaqueline só foi recuperada em cerca de 40% após mais de 12 cirurgias.

“Foi como se eu tivesse sido queimada de dentro para fora. Eu não sabia o que tinha acontecido comigo. Percebi que todo o meu corpo estava enfaixado, minha visão estava completamente turva, e eu tinha um tubo na garganta, mas não sentia dor. Foi só então que comecei a perceber e percebi que estava muito fraca e que algo muito sério havia acontecido comigo” disse a brasileira em vídeos publicados nas redes sociais.

Veja também:   PE tem 47 de casos de varíola dos macacos

Receba as manchetes do Farol de Notícias em primeira mão pelo WhatsApp (clique aqui)

A síndrome de Stevens-Johnson muitas vezes começa com sintomas semelhantes aos da gripe, seguidos por uma erupção cutânea vermelha ou roxa na pele que se espalha e forma bolhas. Ela faz o mesmo com a membrana mucosa, órgãos reprodutivos e globos oculares. As membranas mucosas são camadas finas e macias de tecido que revestem o sistema digestivo, o interior da boca, o nariz e os órgãos genitais.