Publicado às 05h57 deste sábado (9)

Em outubro de 2011, Luciano Duque deixou o grupo do ex-deputado Inocêncio Oliveira e rumou para o Partido dos Trabalhadores (PT). Luciano acabou sendo eleito um ano depois prefeito da cidade e reeleito em 2016. Essa semana Luciano Duque anunciou, por meio de uma nota, que está deixando o PT e entrando no Solidariedade para disputar uma vaga na Assembleia Legislativa e para apoiar Marília Arraes como candidata a governadora.

Na nota, Duque agradece a vários integrantes do PT que o apoiaram desde a sua entrada até os dias atuais. Entre os nomes citados estão os dos ex-deputados Manoel Santos e Pedro Eugênio, ambos já falecidos. No documento fica evidente que algumas coisas precisam ser explicadas, por exemplo, o papel do senador Humberto Costa na entrada e na saída do ex-prefeito da sigla petista.

Revirando o nosso baú encontramos uma notícia que resume bem como era complexa essa relação entre Duque e Humberto Costa, assim como a do senador com o PSB. Em setembro de 2016, meses após a impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff ter sido aprovado no Congresso Nacional com o apoio do PSB, Humberto Costa, que na ocasião havia vindo a Serra Talhada para encerrar a campanha de Luciano para a reeleição, declarou com exclusividade para o Farol que Duque tinha realizado uma “administração competente” e “que tinha um gosto melhor … ganhar do PSB, e do PSB mais arrogante que existe”.

Leia a matéria publicada em 28 de setembro de 2016, e busque compreender melhor o que pode estar acontecendo nos bastidores da saída de Duque do PT. As fotos são do repórter fotográfico Alejandro j. García.

ELEIÇÕES 2016 Ao Farol,  Humberto Costa diz que Duque faz governo honesto e vai derrotar ‘PSB arrogante’ (dia 28 de setembro de 2016)

Veja também:   Vítimas em show de João Gomes oferecem recompensa de R$ 2 mil

Nessa quarta-feira (28) o senador Humberto Costa mirou sua ‘metralhadora giratória’ no PSB e PR, e durante entrevista ao FAROL, admitiu que vencer as eleições em Serra Talhada vai ter um ‘gostinho especial’. O PT só tem dois municípios em Pernambuco com chances de vencer as eleições- Serra e Surubim- mas na Capital do Xaxado a vitória será comemorada de forma diferente.

“Naturalmente que sempre é bom ganhar uma eleição, mas eu entendo que a população de Serra Talhada, ao longo desse trabalho que foi feito por Luciano Duque, tem hoje a certeza que ela tem que pensar em si própria, em seu futuro e não há hoje qualquer alternativa que seja melhor que a recondução de Luciano”, disparou, aproveitando para provocar Humberto provocação aos socialistas e republicanos. “Agora lógico que a gente ganhar do PSB, e do PSB mais arrogante que existe, e o PR tá nesse meio, então eu acho que têm um gosto ainda melhor”, declarou o petista, fazendo questão de lembrar a derrota imposta pelo PT em 2012 em Serra Talhada.

GESTÃO DIFERENCIADA

Na opinião do senador petista, a gestão do prefeito Luciano Duque é diferenciada em Pernambuco e por isso conta com aprovação popular. “A administração de Luciano Duque é totalmente diferenciada do padrão que a gente encontra na maioria das cidades do interior, porque é uma administração transparente, é uma administração honesta, é uma administração competente e que pensa uma Serra Talhada para o futuro. Essa vitória vai ser para nosso partido uma marca importante”, confirmou Costa.