Serra Talhada também vai ter a sua Paixão de Cristo. Nesta 6ª feira (18), as 20h, o bairro do Alto do Bom Jesus será palco da encenação da Via Sacra pelo sexto ano consecutivo. O Centro Dramático Pajeú (CDP) em parceria com o Encontro dos Jovens com Cristo (EJC) realizam o espetáculo que é financiado pelo Governo de Pernambuco. No sábado (19) o espetáculo é reprisado no mesmo horário.

Utilizando prédios e marquises da Praça da Rua 4 foram montados palcos, além da Linha Férrea/Lagoa para  contar a história da vida, morte e ressurreição de Jesus Cristo. No elenco da peça estão os integrantes do EJC (Encontro dos Jovens com Cristo), moradores da comunidade e atores convidados totalizando quase 100 pessoas envolvidas na execução do espetáculo, que emociona crianças, jovens e adultos em procissão pelas ruas.

Veja também:   Filha é presa após golpe estimado em R$ 725 milhões contra mãe

A Via Sacra do Bom Jesus é um evento que está incluído no calendário oficial do município, valorizando o turismo e fortalecendo cada vez mais o desenvolvimento artístico-cultural da cidade.

alto“É um trabalho de formiguinha que requer tempo e sacrifício, o que fazemos hoje é um milagre. Há muito o que se melhorar ainda, não estou desmerecendo a encenação afinal, assino a direção artística, mas a estrutura o jeito como conduzimos ainda é muito doméstico; esse é meu quinto ano a frente e vejo que há muito a fazer”, disse Ivanildo Duarte, diretor do espetáculo.

Veja também:   Juba é o jogador com mais participações diretas do Brasil

Já para o ator Modesto Barros, o espetáculo é grandioso e deixou o bairro com perfil inovador. “hoje é a Paixão de Cristo de Serra Talhada”, afirmou Barros, acrescentando.

“Temos que zelar e fazer com carinho, manter esse trabalho, afinal o teatro transforma o ser humano. Moro nesse bairro há quase 30 anos, já teve e tem muita coisa desagradável aqui e precisamos mostrar um outro lado e esse tem sido, algo bom, novo, digno, onde as pessoas se envolvem, se entregam pelo menos nessa semana que por si já é santa se reflete e se revive paixão e morte desse homem que marcou a história da humanidade como nenhum outro”, relatou Barros, de forma emocianada.

Veja também:   Americana diz que pagará R$ 24 mil a quem apresentar marido

alto 2

alto 3