Publicado às 04h38 desta quinta-feira (24)

Requerimento do vereador Vandinho da Saúde  (Patriotas) solicitando à prefeita Márcia Conrado (PT) o fim da obrigatoriedade do uso de máscaras em locais abertos, apresentado na Câmara de Vereadores de Serra Talhada durante a sessão ordinária dessa terça-feira (22), (relembre aqui) divide a opinião da população serra-talhadense.

A reportagem do Farol foi às ruas da Capital do Xaxado na manhã desta quarta-feira (23) ouvir os moradores e conversou com 8 populares que transitavam entre a Rua Enock Ignácio e a Praça Sérgio Magalhães. A pesar do requerimento do vereador dividir opiniões, a maioria é contra o fim da obrigatoriedade do uso de máscara em ambientes abertos em Serra Talhada. Apenas 2 pessoas se posicionaram a favor da proposta de Vandinho.

Nelcides de Jesus, relojoeiro

”Concordo porque a máscara não proíbe nada. Qual o benefício que a máscara traz? Nenhum! No ambiente fechado tudo bem, mas no aberto não tem nada a ver. Muitos estados, como São Paulo que foi um dos mais prejudicados, já está liberado. Por que Pernambuco não pode ser liberado e principalmente Serra Talhada? Não tem nenhum problema, concordo com ele.”

 

Douglas do Táxi, 49 anos, morador do Ipsep

”Já que liberou é liberar geral. Na minha opinião, quando estava no começo era normal, mas agora que começaram a liberar é liberar para todo mundo porque uns usam outros não usam. Eu mesmo, quase não uso. Uso em ambiente que tem que usar mesmo se não não entra. Uso porque é obrigatório naquele ambiente, mas dependendo de mim, não estou usando.”

 

Gracileide Maria da Silva, 41 anos, agricultora, moradora do Ipsep

Veja também:   Em agenda em Serra Talhada, Anderson Ferreira detona Paulo Câmara e exalta Bolsonaro

”Eu acho que não está em tempo ainda porque o vírus ainda não foi estabilizado não tem condições. Uma hora ou outra está sempre acontecendo os casos das pessoas adoecerem e ninguém está seguro. Estou aqui sem máscara porque tenho síndrome do pânico, já sai aqui para fora porque não aguento ficar de máscara, mas não acho aconselhável.”

 

Aline da Silva Souza, 34 anos, vendedora, moradora do Bom Jesus

“Eu acho que não é tempo para tirar ainda não porque ainda não acabou, o vírus ainda está circulando e não é tempo de tirar. Eu continuarei usando e minha família também, principalmente porque tenho crianças pequenas”.

 

 

Glauciene, 41 anos, Promotora de Vendas, moradora do Bom Jesus

Eu acho que não deveria tirar ainda porque a pandemia não passou e agora com chuva não é época de tirar não, eu não concordo. Eu continuo usando porque tenho problemas respiratórios.

 

 

Antônia Vieira de Lima Teles (Toinha Show de Bola), 61 anos, professora aposentada

”Erradíssimo! Todo cidadão do mundo inteiro só pode deixar de usar máscara quando realmente acabar o vírus, quando estiver todos vacinados, seguros. Sou contra, tem que usar máscara de dia, a noite. Vou continuar usando, não só por conta da pandemia porque também sou artesã e trabalho com material químico. Se liberar agora continuarei usando, na cidade, na zona rural, no trabalho, em todo canto.”

 

Érica Mariana dos Santos Silva, 22 anos, auxiliar de serviços gerais, moradora da Cohab

”Eu não concordo ficar sem o uso da máscara porque ainda não acabou o vírus e tem gente morrendo por conta desse vírus ainda. Continuarei usando porque o vírus está aí para matar a gente.”

Veja também:   Homem em bicicleta morre na PE-320

 

 

Francisco Ferraz de Souza, 68 anos, aposentado, morador do Bom Jesus

”Eu sou contra porque a máscara é para proteger. Não é momento de tirar e eu continuarei usando porque a pandemia ainda não acabou.”