Produtor cultural de ST é transferido para CaruaruPublicado às 17h19 desta quinta-feira (2)

Atualizado às 19h18

Após a lamentável notícia que o professor Dinho Duarte testou positivo para o Covid-19 e precisou de internamento hospitalar, o produtor cultural Romildo Duarte, 44 anos, responsável pelos maiores concursos de beleza de Serra Talhada e região, também foi hospitalizado com problemas renais necessitando de uma hemodiálise de urgência.

Em conversa com o Farol de Notícias, o gestor Hospam, João Antônio Magalhães confirmou que Romildo passou por um teste rápido para covid-19 na última terça-feira (30) e obteve resultado negativo. O PM afastado está sendo transferido nesse momento para Caruaru através de uma UTI Móvel.

Veja também:   Espanha retira última estátua do ditador Franco

De acordo com familiares, Romildo está bem, mas foi transferido por não ter serviço de hemodiálise em Serra Talhada e não dispor de vagas no vizinho município de Salgueiro.

Romildo é policial militar afastado do cargo há cerca de dois anos devido ao agravamento de complicações de saúde devido a diabetes. Mas sua história é fortemente marcada por levar o nome de Serra Talhada para os grandes certames de misses do país, descobrindo modelos e beldades que até hoje brilham como Tallita Martins, Neydinha Olimpio, Alexia Berg, Maria Marianna, Iara Driely, Thiely Oliveira e outras.

Veja também:   Ex-funcionários protestam em Salgueiro

O produtor cultural da RD Produções e amigo pessoal de Romildo, Alan Jones Eliodoro, afirmou que está em oração e torcida pela breve recuperação do companheiro de trabalho. “Se Deus quiser logo logo isso tudo vai passar e vamos estar rindo. Ele vai sair dessa sim, com fé em Deus. Estou emanando todas as minhas energias positivas, falando com Deus e com a Santa Maria. Toda oração e energia positiva é o que ele precisa agora, ele vai sair dessa sim”, desejou.

Toda a equipe do Farol torce pela recuperação do amigo e parceiro do mundo miss, Romildo Duarte. Força, amigo!

Veja também:   Servidora contratada de ST faz apelo por auxílio