Foto: Farol de Notícias/Celso Garcia

Publicado às 05h30 desta sexta-feira (29)

As eleições de outubro de 2022 prometem uma disputa interessante com o surgimento de diversos nomes de destaque em Pernambuco. Nessa quarta-feira (27) o Programa Falando Francamente, na TV Farol, entrevistou a ex-reitora da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), Maria José Sena, que trabalhou na capital do xaxado na implantação da Unidade Acadêmica de Serra Talhada (UAST).

Em conversa com Giovanni Sá, Maria José contou que foi reitora da Rural por oito anos, saindo em maio de 2020, e se orgulha da gestão que realizou, enfatizando que nunca teve uma conta contestada pelo Tribunal de Contas da União. “Isso é muito difícil, não é normal porque sempre tem alguma coisa que o TCU vai lá e diz: ‘tem que arrumar isso aqui. O que aconteceu?’ Nós nunca tivemos esse episódio na nossa Universidade Federal Rural de Pernambuco”, afirmou a ex-reitora, que se lançou pré-candidata a deputada federal pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB).

Durante a entrevista, a professora foi questionada sobre as razões de buscar uma cadeira na Câmara dos Deputados. “O que me levou a abraçar essa história foi a minha responsabilidade enquanto cidadã brasileira. Nós temos uma história de serviços prestados no estado por meio da educação. Nós sabemos que fizemos e a sociedade aprovou o resultado desse trabalho, se não fosse assim, hoje eu não era uma pessoa que tem cinco títulos, cinco ou seis títulos de cidadã de vários municípios, inclusive de Serra Talhada”, disse a pré-candidata, reforçando:

“Eu sou uma servidora pública que sempre trabalhei 18h por dia e sempre trabalhei em prol da educação. Quando você diz: ‘você é uma pessoa bem organizada, inteligente’, é desse perfil que a política está precisando, é desse perfil que a política precisa”.

Veja também:   Flores recebe unidade móvel do Detran