Revoltados, serra-talhadenses vão às ruas contra a CompesaPublicado às 05h50 deste sábado (4)

Os moradores de Serra Talhada cansaram de tanto esperar pelos bons serviços da Compesa e agora resolveram reagir. Na próxima segunda-feira (6) haverá uma passeata de protesto onde os manifestantes pretendem terminar dentro do escritório do órgão, na rua Manoel Pereira Lins.

Segundo os os organizadores, a concentração será às 08h30, na Avenida Afonso Magalhães, nas proximidades da Cruz da Moça.

“Pode vir todo mundo que está insatisfeito. É para trazer baldes, panelas, roupas para pendurar no varal, em frente da Compesa, e vamos para frente. Será um ato bonito e organizado, para ver se a gente consegue alcançar o nosso objetivo”, disse Dinha Melo.

Veja também:   Urnas falsas são espalhadas por correligionários de Trump

Foi criado um grupo de WhatSapp batizado de ‘Manifesto Compesa’ onde os moradores debatem o drama da falta de água em Serra Talhada e fazem sugestões. Neste grupo, o deputado Luciano Duque foi provocado à participar, e se comprometeu a buscar soluções junto ao governo do Estado. “Vou marcar uma audiência com o presidente da Compesa. A obra da nova estação de tratamento e a adutora está parada desde o inicio do governo Raquel Lyra”, disse Duque.