Serra-talhadense auditor fiscal morre em capotamento nesta 2ª
Romero Callou de Alencar – Foto: Arquivo Pessoal

O serra-talhadense Romero Callou de Alencar (foto) faleceu na manhã desta segunda-feira (18).

Romero trabalhava quando foi vítima de um acidente automobilístico.

Ele estava na viatura da Secretaria da Fazenda do Estado do Tocantins, onde morava.

Além disso, era irmão do saudoso Rêmulo Callou de Alencar, empresário serra-talhadense, fundador da Pé Calçado.

Ao mesmo tempo, Rêmulo também faleceu tragicamente aos 58 anos, em dezembro de 2020.

Receba as manchetes do Farol em primeira mão pelo WhatsApp (clique aqui)

Romero atuava como auditor fiscal da Receita Federal em Tocantins. Assim como, trabalhava na divisa com o Estado da Bahia para onde precisava se deslocar diariamente.

Veja também:   Revelação de que mototaxista era mentor de quadrilha pode comprovar falha de sistema em ST

O carro dele capotou na estrada e ele não resistiu aos ferimentos.

Bem como, o acidente ocorreu na região do posto Fiscal de Serra Geral, regional de Taguatinga, no Tocantins.

Romero e Rêmulo eram filhos de Dona Eliza Callou de Alencar e Luiz Vasconcelos. Sobretudo, Romero deixa esposa e três filhas.

Desse modo, aos familiares e amigos, as condolências do Farol de Notícias.

SAIBA MAIS

Empresário de ST morre a caminho do Recife

Centro de ST parou no último adeus a Rêmulo