Fotos: Celso Garcia/Farol de Notícias

Publicado às 05h10 desta sexta-feira (8)

A reportagem do Farol se deparou com uma cena pouco comum em Serra Talhada até janeiro de 2022, uma mulher trabalhando em um lava jato. Ela não é apenas uma funcionária, é a empreendedora do Lava Jato da Fernanda na Rua Benício de Souza Ramos, no Alto da Conceição.

A jovem de 26 anos, Andrea Fernanda Alves de Lima, conquistou um espaço que sempre foi de predominância do público masculino, não para dizer que é melhor que o homem, nem fazer questão de mostrar que é igual, mas por acreditar que é capaz que ocupar qualquer espaço que desejar e também por ter ficado desempregada em dezembro de 2021. Na nova profissão conta com o apoio do namorado e de várias mulheres que admiram seu trabalho.

”Quando fui dispensada, pensei que ia ficar parada, mas meu namorado disse: ”vamos abrir um lava jato para você? No início pensei: Será que vai dar certo porque a gente só ver homem trabalhando em lava jato, mulher eu nunca vi. Tentei e graças a Deus está dando certo. No começo achei o serviço um pouco difícil porque eu nunca tinha feito, mas acostumei rápido. Pensei que poderia não dar certo por conta dos próprios clientes, por talvez não confiarem o serviço”, revelou Fernanda, acrescentando:

”Como aconteceu ontem, um rapaz chegou e só estava eu porque o menino que me ajuda ainda não tinha chegado, e ele perguntou quem ia lavar. Eu disse eu, ele olhou meio assim, passou a mão na cabeça e saiu. Depois trouxe o carro, mas primeiro hesitou em deixar por conta que eu sou mulher. Mas, estou tendo apoio de muitas mulheres que passam por aqui, veem meu trabalho e admiram dizendo que estou certa que não é só homem que pode trabalhar em lava jato e é isso devemos correr atrás dos sonhos que querendo a gente consegue.”

Veja também:   Filha de Lampião e Maria Bonita processa motel por propaganda

DIFICULDADES

Como o empreendimento está com apenas 3 meses e foi inaugurado durante um período difícil para muitos seguimentos do comércio, Fernanda, mesmo tendo conquistado muitos clientes, ainda precisa complementar a renda fazendo faxinas. Mas, deseja ampliar o serviço e conquistar uma clientela maior para se dedicar 100% ao lava jato. Além dessa dificuldade, ela precisa lidar com a falta de água no bairro. Durante esses 3 meses já teve que comprar água para trabalhar 2 vezes.

”Às vezes a gente tem que comprar água porque quando falta água demora muitos dias para chegar. Eu divido a água com meu cunhado da pizzaria e a pizzaria é aberta de domingo a domingo, por conta disso às vezes temos que comprar água e o lucro vai embora porque o pessoal está cobrando R$ 23 reais em um tambor d’água que só dar para lavar uns 2 carros, se a gente economizar, porque tem carro que chega bastante sujo e tem que jogar água em baixo tudo direitinho” lamentou Fernanda.

SERVIÇOS E ATENDIMENTO

Fernanda lava, aspira e faz polimento em carro de passeio, carros maiores e motos.  Para lavar e aspirar um carro de passeio a taxa é de R$ 20 reais e com polimento R$ 25, veículos de maior porte custa R$ 25 a lavagem com aspiração e R$ 30 com polimento e moto R$ 10 reais o serviço completo.

O Lava Jato da Fernanda oferece o cartão fidelidade aos clientes. A cada 6 lavagens de carro a 7ª é totalmente gratuita e moto, a cada 9 lavagens a 10ª é grátis. Geralmente o cliente chega e Fernanda lava na hora, sem agendamento, mas caso queiram agendar horário podem marcar por telefone ou WhatsApp (87) 9 9941-5985.