Chegam novas denúncias na saúde de Serra TalhadaPublicado às 06h23 desta sexta-feira (20)

Nesta quarta-feira (18), Carolani de Moura Silva, 24 anos, de Caiçarinha da Penha, distrito de Serra Talhada, entrou em contato com o Farol, para reclamar sobre o mau atendimento e desorganização na Unidade Básica de Saúde (UBS) do distrito. Ela relatou que esteve na unidade de Saúde na terça-feira (17), chegou por volta das 07h30 e foi atendida em torno das 14h, um transtorno para quem é mãe e percorreu seis quilômetros até chegar ao local. 

A moradora destacou a falta de organização e mau atendimento na UBS do distrito, pois os pacientes que chegam primeiro perdem a vaga para os favoritos. Também ressaltou que perdem as guias dos exames após a marcação feita pelo laboratório. Fora isso, a quantidade de fichas por atendimento que, algumas vezes, atendem seis pacientes, quando deveriam ser em média 20. Ela conta que a situação se repetiu duas vezes com ela.

Veja também:   Em 1969, quadrilhas típicas circulavam nas ruas de ST

“Eu tenho uma criança com três meses e fui para o atendimento. As pessoas chegam às 7h, 7h30, e o responsável pelas fichas diz que é por ordem de chegada e coloca as pessoas que chegam por último na frente dos outros. Quando vai começar o atendimento é das 10h às 10h30. Hoje cheguei em casa às 14h, cheguei às 7h30 e saí às 14h, porque colocaram umas três pessoas na minha frente, como se fosse favorito. Isso não pode acontecer, é uma humilhação para o povo de Caiçarinha da Penha!”, desabafou Carolani de Moura, proferindo:

Veja também:   Bandidos atacam Comando da Guarda Municipal no Pajeú

“Dizem que só têm direito a atender seis pessoas, o enfermeiro ou o médico. Se a comunidade precisa de atendimento. Será que está sendo pago para atender somente seis pessoas? Nunca vi um atendimento assim, começa a atender tarde e diz que é por ordem de chegada, trocando ficha, dão fim às requisições dos exames; colhem o sangue para fazer os exames, o laboratório envia o exame para o posto entregar e não entregam. O que está acontecendo com este posto? Uma irresponsabilidade! Vamos chamar a atenção dos responsáveis para ver se ajuda a melhorar o atendimento porque o povo precisa”.

Veja também:   Secretário revela prazo para edital do concurso em ST

O OUTRO LADO

Nesta quinta-feira (19), o Farol de Notícias entrou em contato com a Assessoria de Comunicação de Serra Talhada que ficou de repassar a informação para a Secretaria de Saúde, mas até o fechamento desta edição não obtivemos respostas.