Adolescentes são encontrados desmaiados após “jogo dos espíritos”Do Revista Forum

 

Na noite do último dia 31 de outubro, data conhecida como Dia das Bruxas no Brasil e Halloween internacionalmente, onze estudantes de 13 a 17 anos foram encontrados desmaiados nos corredores de uma escola após utilizarem o famoso tabuleiro “Ouija”, utilizado em famosa brincadeira conhecida como o ‘jogo dos espíritos’. O caso misterioso ocorreu no Instituto Técnico Agrícola, em Hato, na Colômbia. As autoridades investigam o caso.

Os adolescentes foram encontrados desmaiados, com salivas grossas nas boas e levados para um hospital local onde ficaram internados por cerca de 24 horas. Também apresentaram vômitos e espasmos musculares.

Veja também:   Médicos retiram peso de academia de 2kg de paciente

O Ouija, ou jogo dos espíritos, é muito famoso fora do Brasil, inclusive tendo sido tema de filmes de terror. Consiste em um tabuleiro “mágico”, no qual constam os algarismos de 0 a 9, as palavras “sim”, “não” e “tchau”, além de todas as letras do alfabeto de quem está jogando. Durante o jogo simula-se um ritual de invocação dos mortos e, após sua conclusão, todos os participantes seguram simultaneamente uma peça semelhante a uma vareta ou um lápis, por onde o suposto espírito irá responder às perguntas dos jogadores, apontando letra por letra através de uma suposta manipulação sobrenatural do conjunto de mãos dos jogadores.

Veja também:   Educação: Carro-chefe da campanha de Dilma, Pronatec causa revolta em estudantes de ST

O prefeito de Hato, José Pablo Toloza Rondón, disse ao jornal britânico The Mirror que não descarta a possibilidade do jogo Ouija ser a causa do mal-estar coletivo. Mas de acordo com médicos, a principal hipótese para os efeitos encontrados é a de uma intoxicação alimentar.

Os investigadores, por sua vez, tendem a corroborar a tese dos médicos. Após entrevistarem os alunos, ficou constatado que todos compartilharam o mesmo copo d’água enquanto brincavam. Além disso, o laudo hospitalar não apontou quaisquer alterações psicológicas. O Instituto Técnico Agrícola disse que não se pronunciaria até o fim das investigações.

Veja também:   Mulher é enganada e perde R$ 6.800 em ST

*Com informações do Uol.