Fotos: Farol de Notícias/Celso Garcia

Publicado às 13h50 desta terça-feira (2)

Com informações e fotos do repórter Celso Garcia/do Farol

Os moradores do bairro Vila Bela, em Serra Talhada, estão irritados com o silêncio da prefeitura com relação a operação ‘tapa buracos’ que teve início, e simplesmente parou. Nessa segunda-feira (1º) foram várias reclamações durante o programa Falando Francamente, na TV Farol. Além dos protestos via TV, a redação também recebeu queixas sobre a obra do anel viário que também está parada. O que sobrou de uma obra prometida para ser inaugurada em junho, foi insegurança, poeira e muitos buracos e lixo no entorno.

“O tranco aqui é pesado. O cabra anda porque é o jeito. Aqui é perigoso, não há coisa boa não. Perto do matador tem um trecho que não é muito bom. Esse trecho aqui é o mais perigoso porque é o mais recuado. Aqui, um malandro chega e lhe pega, faz o que quiser. Dez horas da noite você não pode mais passar aqui. Aqui, você só pode passar até cinco, cinco e meia. O povo ainda vem aqui, esse pessoal passa direto, é assim. É um perigo! O cabra tem que ter muito cuidado, porque não tem luz.”, disse Francisco Cândido da Silva, 47 anos, que trabalha com reciclagem.

Veja também:   Memorial às Vítimas da Covid em ST usado para consumo de droga

Já a dona de casa Maria Luiza de Souza, 42 anos, costuma fazer o trajeto todos os dias até o centro, e lamenta a obra não ter saído do papel. “É ruim, porque a pessoa pode cair nos buracos. Além das pessoas, também passam as motos. Uma vez a minha neta vinha com o pai e a mãe e caíram onde tem um ferro. A segurança não é boa, está precária, porque não tem poste. Faz medo de vir na escuridão”, reforçou.

PROMESSA

Em junho, em conversa com o Farol, o secretário de Obras, Cristiano Menezes, chegou a anunciar a retomada da obra.

“A interligação Centro ao Vila Bela, pelo Bom Jesus, será retomada a execução até primeira quinzena de julho, quando de fato as chuvas cessam. Esperamos esse período afim de evitar prejuízo na execução dos serviços de terraplanagem. Em breve a prefeita Márcia Conrado marcará a data da ordem de serviço, mas já com a obra em execução. Com essa intervenção, o acesso ao Vila Bela será definitivamente concluído, visto que foi viabilizado com a construção da passagem molhada no sangradouro do cachoeira”, detalhou Menezes. A reportagem procurou o secretário, por telefone, mas não obteve retorno das ligações.

Veja também:   Médica anuncia novidades no Sassepe em ST