Da CNN Brasil

Autoridades do estado de Andhra Pradesh, no sul da Índia, relacionam a morte de um homem na cidade de Eluru a uma doença ainda não identificada. Segundo informações do jornal local The Hindu, até esta segunda-feira (7), 315 outras pessoas já haviam sido hospitalizadas na mesma região com sintomas semelhantes – incluindo 46 crianças e 70 mulheres.

De acordo com relatos de médicos, os pacientes apresentaram desmaios, tonturas, dores de cabeça e sintomas de epilepsia. Após testes, está descartada qualquer ligação entre as hospitalizações com o novo coronavírus, que causa a Covid-19.

Parte dos pacientes já recebeu alta e a maioria dos infectados se encontra em condição estável de saúde.

Veja também:   Ela disse não a uma herança de 22 bilhões; conheça a sua história

Originalmente, as principais hipóteses investigadas eram contaminações massivas pela água ou pela poluição do ar. No entanto, análises preliminares de amostras de sangue não detectaram infecções virais.

“Descartamos a contaminação da água ou poluição do ar como causa depois que as autoridades visitaram as áreas onde as pessoas adoeceram”, disse o ministro da Saúde de Andhra Pradesh, Alla Kali Krishna Srinivas, em pronunciamento reproduzido pela emissora britânica BBC.

“É uma doença misteriosa e apenas análises de laboratório revelarão o que é”, acrescentou Srinivas, que disse que monitora os casos com o ministro-chefe que governa o estado, Y.S. Jagan Mohan Reddy.

O presidente da Cruz Vermelha Indiana, M. Jaya Prakash, também investiga a situação nas áreas afetadas.

Veja também:   Anne Heche tem morte cerebral declarada e deixa cinco filmes inéditos

Ao The Hindu, um médico envolvido nos atendimentos pediu calma à população: “os pacientes reclamam de tontura e dor de cabeça. A taxa de recuperação é boa e não há necessidade de pânico”, disse.

No Twitter, N Chandrababu Naidu, presidente do partido opositor Telugu Desam Party, cobrou investigações.

“A situação em Eluru está piorando. Exijo uma investigação imparcial e completa sobre o incidente. (Seja em) inundações, ciclones ou crise de saúde, o governado foi pego cochilando em situações de emergência”, escreveu o opositor.

Quando Naidu publicou as postagens, a hipótese mais provável ainda era a contaminação pela água.

“Pode haver um fracasso mais infeliz e maior do que este? O incidente de contaminação da água de Eluru exige uma declaração de Emergência de Saúde em Andhra Pradesh”, acrescentou.