bancário de ST precisa de sangue após Covid-19

Publicado às 05h19 desta terça-feira (11)

Nessa segunda-feira (10), o Farol de Notícias entrou em contato com a artesã Ana Caroline de Lima Souza Veras, 27 anos, pois seu esposo, o bancário Filipe Matheus dos Santos Veras, de 30 anos, encontra-se internado no Hospital Português em Recife desde o dia 21 de abril precisando de doação de sangue. Ele continua em estado grave e a família pede orações para regenerar sua saúde. Desde que Filipe Matheus testou positivo para a Covid-19 já são mais de 25 dias em constante luta contra a doença.

“Filipe é Cristão Evangélico da Igreja Batista Renovada é servo de Deus desde criança ou seja há 30 anos nunca se desviou desse caminho. Ele ama a Deus e ama falar do amor de Deus para as pessoas. Ele é um homem alegre, muito cativante. Bancário, contraiu o covid testando positivo dia 15 de abril fez o tratamento em casa porém, no dia 19 não estava se sentindo bem e precisou ser internado no Santa Marta pela manhã, no dia 21 não houve melhora e foi entubado e transferido pra Recife. No dia 22  entrou em tratamento na ECMO, que é um suporte respiratório, que oxigena o sangue artificialmente para ele poder descansar o pulmão, entrou em diálise preventiva e está sedado e intubado”, detalhou a sua esposa Ana Caroline.

Veja também:   A 12º Mostra de Teatro de Serra Talhada começa nesta quarta-feira

DRAMA FAMILIAR E DOAÇÃO

Filipe perdeu a mãe para a Covid no final de 2020. A esposa Caroline também testou positivo, mas teve alta no último domingo (9). Ela pede doações de sangue a Filipe. “O estado de saúde dele é muito grave, porém até ontem (9) ele permanecia estável com uma traqueostomia para ser realizada devido ao tempo que está intubado. Hoje (10) ainda não tivemos notícias do estado dele por que o boletim médico é uma vez por dia geralmente na parte da noite”, disse Caroline.

Veja também:   Sebastião diz que vai defender servidores

“Ele luta pela vida, e Deus tem cuidado muito bem dele. Ele precisou de sangue e até o momento não precisou mais. Porém, a família pede que permaneçam doando, por que além de ajudar a ele ajudamos a outros também que necessitam. O que Filipe mais ama nessa vida e falar de Deus é fazer Deus ser conhecido pelas pessoas e eu creio que quando ele sair disso tudo ele vai falar muito sobre Deus e o que Deus fez na vida dele”, afirmou.

bancário de ST precisa de sangue após Covid-19

 

bancário de ST precisa de sangue após Covid-19

bancário de ST precisa de sangue após Covid-19

Filipe ao lado da esposa Caroline, que teve alta no domingo, também vítima da covid