Publicado às 05h34 desta quarta-feira (4)

Por Dr. Luiz Pinto, médico-urologista serra-talhadense

Estamos assistindo atualmente um futuro processo eleitoral sem precedentes na história do Brasil.

Um verdadeiro apartheid social onde uma parte que se diz melhor, em detrimento de uma outra, escolhe o que é bom ou ruim para a nossa sociedade.

Entre os líderes das principais facções se esmaga uma população infantilizada que não sabe pensar por si , ecoando suas vozes como papagaios fanáticos, repetindo o que vem de cima ,- e assim vai caminhando as manadas de eleitores para os matadouros da injustiça , ávidos por um ” bem-estar que nunca veio.

É, parece mesmo que a bandeira brasileira não faz jus a frase: “Ordem e Progresso”; pois entendo que jamais haverá uma harmonia social sem que antes haja nas pessoas comuns uma consciência política , e uma justa justiça social nessa nação que é a maior da América do Sul.

 

Veja também:   Ator comemora 27 anos de teatro em Serra Talhada